Home
Estudos
EBD
Discipulado
 Mapas
Figuras1
 Figuras2
Fotos
Igreja
Link's
Corinhos
Download
Eu
 
 
 
Lição 8 - ESPÍRITO SANTO - Como Receber O Batismo Com O ESPÍRITO SANTO
Questionário
 
Texto Áureo:
“Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para perdão dos pecados, e recebereis o dom do ESPÍRITO SANTO” (At 2.38).
ARREPENDEI-VOS, E CADA UM DE VÓS SEJA BATIZADO. O arrependimento, o perdão dos pecados e o batismo são condições prévias para o recebimento do dom do ESPÍRITO SANTO. Mesmo assim, o batismo em água antes do recebimento da promessa do Pai (cf. 1.4,8) não deve ser tido como condição prévia absoluta para a plenitude do ESPÍRITO SANTO; assim como o batismo no Espírito não é uma conseqüência automática do batismo em água. 
(1) Na situação em apreço, Pedro exigiu o batismo em água antes do recebimento da promessa, porque na mente dos seus ouvintes judaicos, o rito do batismo era pressuposto como parte de qualquer decisão de conversão. O batismo em água, contudo, não precedeu o batismo no Espírito nas ocasiões registradas em 9.17,18 (o apóstolo Paulo) e 10.44-48 (os da casa de Cornélio). 
(2) Cada crente, depois de se arrepender dos seus pecados e de aceitar Jesus Cristo pela fé, deve receber (2.38; cf. Gl 3.14) o batismo pessoal no Espírito. Vemos no livro de Atos o dom do ESPÍRITO SANTO sendo conscientemente desejado, buscado e recebido (1.4,14; 4.31; 8.14-17; 19.2-6); a única exceção possível à regra, no NT, foi o caso de Cornélio (10.44-48). Daí, o batismo no Espírito não deve ser considerado um dom automaticamente concedido ao crente em Cristo.
Verdade Prática:
O arrependimento dos pecados é condição prévia para receber o batismo com o ESPÍRITO SANTO, que deve ser buscado com perseverança em oração por todos os salvos.
Para se receber o batismo com o ESPÍRITO SANTO, apenas têm-se que crer que a promessa é para nós, para nossos filho e para todos os que aceitam a CRISTO como único e suficiente salvador, arrependendo-se de seus pecados; também o desejo de testemunhar de JESUS é um chamamento ao batismo com o ESPÍRITO SANTO, pois JESUS disse aos discípulos que eles deveriam esperar, orando, até que do alto recebessem o revestimento de poder e então seriam poderosas testemunhas por todo o mundo.

 Leitura Diária:
Segunda At 3.19; 2.38 Arrependendo-se dos pecados = At 3.19 Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham, assim, os tempos do refrigério pela presença do Senhor.
ARREPENDEI-VOS, POIS, E CONVERTEI-VOS. DEUS determinou que abençoará o seu povo com o derramamento do ESPÍRITO SANTO sob as condições prévias de arrependimento, i.e., de se desviarem do pecado e da geração perversa ao seu redor, e se converterem: voltar-se para DEUS, ouvir tudo quanto Cristo, o Profeta, lhes diz (vv. 22,23), e sempre progredir na obediência sincera a Cristo (cf. 2.38-41; 5.29-32).
TEMPOS DO REFRIGÉRIO. No decurso de toda a presente era, e até à volta de Cristo, DEUS enviará tempos do refrigério (i.e., o derramamento do ESPÍRITO SANTO) a todos aqueles que se arrependerem e se converterem. Embora tempos perigosos venham perto do fim desta era, acompanhada da apostasia da fé (2 Tm 3.1; 2 Ts 2.3), DEUS ainda promete enviar reavivamento e tempos de refrigério aos fiéis. A presença de Cristo, a bênção espiritual, milagres e derramamento do ESPÍRITO SANTO virão sobre os remanescentes que fielmente o buscarem e vencerem o mundo, a carne e o domínio de Satanás (cf. 26.18).
At 2.38 E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para perdão dos pecados, e recebereis o dom do ESPÍRITO SANTO. = ARREPENDEI-VOS, E CADA UM DE VÓS SEJA BATIZADO. O arrependimento, o perdão dos pecados e o batismo são condições prévias para o recebimento do dom do ESPÍRITO SANTO. Mesmo assim, o batismo em água antes do recebimento da promessa do Pai (cf. 1.4,8) não deve ser tido como condição prévia absoluta para a plenitude do ESPÍRITO SANTO; assim como o batismo no Espírito não é uma conseqüência automática do batismo em água. (1) Na situação em apreço, Pedro exigiu o batismo em água antes do recebimento da promessa, porque na mente dos seus ouvintes judaicos, o rito do batismo era pressuposto como parte de qualquer decisão de conversão. O batismo em água, contudo, não precedeu o batismo no Espírito nas ocasiões registradas em 9.17,18 (o apóstolo Paulo) e 10.44-48 (os da casa de Cornélio). (2) Cada crente, depois de se arrepender dos seus pecados e de aceitar Jesus Cristo pela fé, deve receber (2.38; cf. Gl 3.14) o batismo pessoal no Espírito. Vemos no livro de Atos o dom do ESPÍRITO SANTO sendo conscientemente desejado, buscado e recebido (1.4,14; 4.31; 8.14-17; 19.2-6); a única exceção possível à regra, no NT, foi o caso de Cornélio (10.44-48). Daí, o batismo no Espírito não deve ser considerado um dom automaticamente concedido ao crente em Cristo.

Terça  At 5.32 Obedecendo a DEUS = 32 E nós somos testemunhas acerca destas palavras, nós e também o ESPÍRITO SANTO, que DEUS deu àqueles que lhe obedecem.
5.32 O ESPÍRITO SANTO... ÀQUELES QUE LHE OBEDECEM. Se não houver verdadeira obediência a Cristo (v. 32), nem busca sincera da justiça do seu reino (Mt 6.33; Rm 14.17), é falsa a afirmação de quem diz ter a plenitude do ESPÍRITO SANTO. O Pentecoste sem o senhorio de Cristo é impossível (cf. 2.38-42), porque o ESPÍRITO SANTO é dado somente àqueles que vivem na obediência da fé (Rm 1.5).

Quarta At 2.39 A promessa é para todos = 39 Porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filhos e a todos os que estão longe: a tantos quantos DEUS, nosso Senhor, chamar.
A VÓS, A VOSSOS FILHOS E A TODOS. A promessa do batismo no ESPÍRITO SANTO não foi apenas para aqueles presentes no dia de Pentecoste (v.4), mas também para todos os que cressem em Cristo durante toda esta era: a vós os ouvintes de Pedro; a vossos filhos à geração seguinte; à todos os que estão longe à terceira geração e às subseqüentes. (1) O batismo no ESPÍRITO SANTO com o poder que o acompanha, não foi uma ocorrência isolada, sem repetição, na história da igreja. Não cessou com o Pentecoste (cf. v. 38; 8.15; 9.17; 10.44-46; 19.6), nem com o fim da era apostólica. (2) É o direito mediante o novo nascimento de todo cristão buscar, esperar e experimentar o mesmo batismo no Espírito que foi prometido e concedido aos cristãos do NT (1.4,8; Jl 2.28; Mt 3.11; Lc 24.49).

Quinta At 4.31; 8.14-17 Buscando em oração
At 4.31 E, tendo eles orado, moveu-se o lugar em que estavam reunidos; e todos foram cheios do ESPÍRITO SANTO e anunciavam com ousadia a palavra de DEUS.
TODOS FORAM CHEIOS DO ESPÍRITO SANTO. Várias verdades importantes destacam-se aqui. (1) A expressão batizados com ESPÍRITO SANTO (ver 1.5 nota) descreve a obra de consagração do ESPÍRITO SANTO capacitando inicialmente o crente com poder divino para testemunhar. Os termos cheios , revestido e com autoridade descrevem essa sua capacitação para trabalhar (2.4; 4.8,31; 9.17; 13.9,52). Conforme a necessidade, o enchimento do Espírito pode ser renovado. (2) As expressões do meu Espírito derramarei (2.17,18; 10.45), veio sobre eles o ESPÍRITO SANTO (19.6), retratam de modo diferente a ocasião em que os crentes são cheios do ESPÍRITO SANTO (2.4; 4.31; 9.17). (3) Todos os crentes, inclusive os apóstolos anteriormente cheios (2.4), foram novamente cheios a fim de enfrentarem a oposição contínua dos judeus (v. 29). Novos enchimentos com o ESPÍRITO SANTO fazem parte da vontade e provisão de DEUS para todos os que receberam o batismo no ESPÍRITO SANTO (cf. 4.8 nota; 13.52). Devemos esperá-los e buscá-los. (4) Aqui, o Espírito visita uma congregação inteira. Logo, para que seja cumprida a vontade de DEUS quanto a igreja, não somente indivíduos devem ser cheios do Espírito (4.8; 9.17; 13.9), mas também congregações inteiras (2.4; 4.31) devem experimentar visitações repetidas do ESPÍRITO SANTO face às necessidades e desafios especiais. (5) A atuação de DEUS sobre toda a congregação, com um novo enchimento do ESPÍRITO SANTO, resulta em ousadia e 
poder no testemunho dos crentes, em amor uns pelos outros e no recebimento de graça abundante sobre todos (vv. 31-33).
ANUNCIAVAM COM OUSADIA A PALAVRA DE DEUS O poder interior do Espírito e a realidade da presença de DEUS que vêm da plenitude do Espírito libertam o crente do medo doutras pessoas e aumenta grandemente a sua coragem e motivação para falar de DEUS
 
At 8.14-17 = 14 Os apóstolos, pois, que estavam em Jerusalém, ouvindo que Samaria recebera a palavra de DEUS, enviaram para lá Pedro e João,15os quais, tendo descido, oraram por eles para que recebessem o ESPÍRITO SANTO.16 Porque sobre nenhum deles tinha ainda descido, mas somente eram batizados em nome do Senhor Jesus.17Então, lhes impuseram as mãos, e receberam o ESPÍRITO SANTO.
8.16 SOBRE NENHUM DELES TINHA AINDA DESCIDO. O Espírito ainda não tinha descido sobre nenhum deles, da mesma maneira que descera sobre os crentes no dia de Pentecoste (2.4). Ainda não descera sobre eles de conformidade com a promessa do Pai (1.4) e conforme Cristo predissera: vós sereis batizados com o ESPÍRITO SANTO (1.5; ver vv. 5-24; v. 18).
8.17 RECEBERAM O ESPÍRITO SANTO. Mediante a imposição das mãos dos apóstolos, os samaritanos recebem o ESPÍRITO SANTO de modo idêntico ao batismo do dia de Pentecoste (1.8; 2.4). A experiência dos samaritanos em duas etapas, ou seja: primeiramente crer e depois ser cheio do Espírito, demonstra que a experiência em duas etapas dos crentes, do dia de Pentecoste não foi anômala. As experiências tanto de Paulo em 9.5-17, como a dos discípulos efésios em 19.1-6, foram iguais à dos samaritanos. Aceitaram Cristo como Senhor e depois foram cheios do Espírito. Não tem que haver um longo tempo de espera entre a salvação e o batismo no Espírito, conforme demonstra o caso dos gentios em Cesaréia (cap. 10).

Sexta At 1.4,5 Esperando a promessa = 4 E, estando com eles, determinou-lhes que não se ausentassem de Jerusalém, mas que esperassem a promessa do Pai, que (disse ele) de mim ouvistes.5 Porque, na verdade, João batizou com água, mas vós sereis batizados com o ESPÍRITO SANTO, não muito depois destes dias.
1.4 A PROMESSA DO PAI. O prometido dom do Pai (Jl 2.28,29; Mt 3.11) é o batismo no ESPÍRITO SANTO (ver v. 5 nota). O cumprimento desta promessa, no entanto, é descrito como ser cheios do ESPÍRITO SANTO (2.4). Assim, batizado no Espírito e cheio do Espírito , às vezes, são usados como equivalentes nas Escrituras. A partícula grega que aparece nos pertinentes textos do NT leva para a tradução com ou no ESPÍRITO SANTO, em se tratando do batismo pentecostal. Este batismo com ou no ESPÍRITO SANTO, não deve ser identificado com o recebimento do ESPÍRITO SANTO na ocasião da regeneração. São duas obras distintas do Espírito, muitas vezes separadas por um período de tempo (ver o estudo A REGENERAÇÃO DOS DISCÍPULOS
1.5 BATIZADOS COM O ESPÍRITO SANTO. A preposição com é a partícula grega en, que pode ser traduzida como em ou com . Por isso, muitos preferem a tradução sereis batizados no ESPÍRITO SANTO . Da mesma forma, batizados com água pode ser traduzido batizados em água . O próprio Jesus é aquele que batiza no ESPÍRITO SANTO os que nEle crêem.

Sábado 1 Jo 5.14,15 DEUS ouve a nossa oração = 14 E esta é a confiança que temos nele: que, se pedirmos alguma coisa, segundo a sua vontade, ele nos ouve.15E, se sabemos que nos ouve em tudo o que pedimos, sabemos que alcançamos as petições que lhe fizemos.
PEDIRMOS... SEGUNDO A SUA VONTADE. Nas nossas orações, devemos submeter-nos a DEUS e orar para que sua vontade seja feita em nossa vida (Jo 14.13). Em muitos casos, conhecemos a vontade de DEUS pelo que está revelado nas Escrituras. Noutras ocasiões, ela fica clara somente à medida que a buscamos sinceramente. Uma vez conhecida a vontade de DEUS a respeito de um determinado assunto, podemos orar com confiança e fé. Quando fazemos assim, sabemos que Ele nos ouve e que seus propósitos para nós serão cumpridos.
 
Leitura Bíblica Em Classe: 
 GÁLATAS 3.1-5 = 1 Ó insensatos gálatas! quem vos fascinou para não obedecerdes à verdade, a vós, perante os olhos de quem Jesus Cristo foi já representado como crucificado?2Só quisera saber isto de vós: recebestes o Espírito pelas obras da lei ou pela pregação da fé?3Sois vós tão insensatos que, tendo começado pelo Espírito, acabeis agora pela carne?4Será em vão que tenhais padecido tanto? Se é que isso também foi em vão.5Aquele, pois, que vos dá o Espírito e que opera maravilhas entre vós o faz pelas obras da lei ou pela pregação da fé?
 
 GÁLATAS 13-14 = 13 Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós, porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro; 14 para que a bênção de Abraão chegasse aos gentios por Jesus Cristo e para que, pela fé, nós recebamos a promessa do Espírito.

Objetivos: Após esta aula, seu aluno deverá estar apto a:
1- Mostrar a razão porque devemos pedir o batismo no ESPÍRITO SANTO.
2- Indicar as condições do crente para receber o batismo.

INTRODUÇÃO
O batismo com o ESPÍRITO SANTO, é obtido pela fé, após o arrependimento de pecados do crente, através da graça de DEUS, da mesma maneira que se obtém a salvação pelo arrependimento de pecados e pela fé nas promessas de DEUS.

I. POR QUE TANTOS NÃO SÃO BATIZADOS?
Na verdade alguns precisam de ajuda, precisam ouvir um ensino sobre o batismo com o ESPÍRITO SANTO, precisam ser levados ao arrependimento pela pregação e existem também aqueles que precisam de maior tempo para se concentrarem na busca do batismo com o ESPÍRITO SANTO.

1. Muitos não ouviram falar desta bênção. 
O ensino é importantíssimo e é aí que entra a EBD, local apropriado para se aprender sobre o batismo com o ESPÍRITO SANTO, após o ensino é que vem o resultado prático. Veja que Paulo ao chegar e Éfeso teve que primeiro ensinar sobre o batismo com o ESPÍRITO SANTO, para depois ministrá-lo na prática, impondo as mãos sobre aqueles doze discípulos que receberam então a gloriosa bênção.

2. Muitos não recebem o batismo por negligência. 
Alguns não desejam receber porque vêm crentes que receberam e vivem de maneira desordenada, então desanimam de buscar o batismo com o ESPÍRITO SANTO, achando que não é importante para sua vida espiritual; outros não buscam porque vêm o trabalho que dá para receber o tão falado batismo com o ESPÍRITO SANTO, mas tudo isso é por falta de ensino adequado sobre a importância de se receber o batismo com o ESPÍRITO SANTO.

3. Muitos não buscam o batismo porque acham que não merecem esta bênção. 
Por falta de ensino sobre o recebimento pela fé simplesmente e não pelas obras, muitos o perdem. Alguns estão a jejuar e a passar noites em vigílias, pensando que assim serão agraciados pelo batismo com o ESPÍRITO SANTO, são falso ensinos baseados em obras de sofrimento e dor, até com prejuízo para a saúde de muitos; o batismo com o ESPÍRITO SANTO, é concedido a todo o crente que se arrependeu de seus pecados e crê nas promessas de DEUS; é pela fé que se recebe e não prêmio pelo sofrimento e é para todos os crentes sem acepção de pessoas.

II. COMO RECEBER O BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO
Na verdade não existe uma fórmula mágica que irá fazer com que o crente seja batizado, pois o batismo com o ESPÍRITO SANTO é concedido por DEUS pela sua graça (favor imerecido), sendo o resultado da total entrega do crente nas mãos do batizador que é JESUS CRISTO, crendo nas promessas de DEUS.
Podemos estudar pela Bíblia a maneira e a condição daqueles que receberam o batismo com o ESPÍRITO SANTO para que haja pelo menos alguma luz para os que ainda não receberam esta maravilhosa e desejável bênção, mas nunca nos esquecendo que alguns recebem o batismo com o ESPÍRITO SANTO só no ouvir a Palavra de DEUS, como foi o caso de Cornélio, sua família e seus amigos, outros o recebem sozinhos sem a imposição de mãos (meu caso, por exemplo), outros o recebem pela imposição de mãos, alguns o recebem na mesma hora em que aceitam a JESUS CRISTO como Salvador e Senhor, outros levam anos e anos para o receberem. Certamente não há como dizer o que fazer para ser batizado, mas podemos ajudar ensinando e orando pelos que desejam o maravilhoso batismo com o ESPÍRITO SANTO.

1 . É preciso ter um coração puro.
Sl 51. 10 Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito estável. 11 Não me lances fora da tua presença, e não retire de mim o teu santo Espírito.
2 Tm 2.22 Foge também das paixões da mocidade, e segue a justiça, a fé, o amor, a paz com os que, de coração puro, invocam o Senhor.
Puro quer dizer aquele que não maquina o mal, tudo o que pensa e faz é visando o bem estar dos outros e de si mesmo, com DEUS.
a. O Espírito é santo (Ef 4.30).
Santo com Santo se comunicam bem; O ESPÍRITO SANTO gosta de habitar em vasos limpos para que possa viver em comunhão com aquele em quem habita.
Sl 16.3 Quanto aos santos que estão na terra, eles são os ilustres nos quais está todo o meu prazer.
Lv 20.7 Portanto santificai-vos, e sede santos, pois eu sou o Senhor vosso Deus.
Ap 22.11 Quem é injusto, faça injustiça ainda: e quem está sujo, suje-se ainda; e quem é justo, faça justiça ainda; e quem é santo, santifique-se ainda.

b. Precisamos ser totalmente purificados do pecado.
Os desejos da carne devem ser dominados e através do arrependimento, deixados e esquecidos. Somente pelo arrependimento é que podemos ser purificados pelo sangue precioso de JESUS. É através da Palavra de DEUS que o crente purifica sua mente.
Gn 35.2 Então disse Jacó à sua família, e a todos os que com ele estavam: Lançai fora os deuses estranhos que há no meio de vós, e purificai-vos e mudai as vossas vestes.
Sl 51.2 Lava-me completamente da minha iniqüidade, e purifica-me do meu pecado.
Sl 119.9 Como purificará o jovem o seu caminho? Observando-o de acordo com a tua palavra.
1 Jo 1.7 mas, se andarmos na luz, como ele na luz está, temos comunhão uns com os outros, e o sangue de Jesus seu Filho nos purifica de todo pecado.

c. A Bíblia mostra que pureza e recebimento do ESPÍRITO SANTO estão vinculados.
Na hora em que alguém aceita a JESUS CRISTO como Salvador e Senhor também pode ser uma hora certa para o batismo com o ESPÍRITO SANTO, pois nesta mesma hora houve o arrependimento de pecado, a purificação pelo sangue de JESUS e o desejo de servir a DEUS. O crente deve ser puro de coração  e de lábios para que possa receber a maior bênção que há depois da salvação.
Ez 36.25 Então aspergirei água pura sobre vós, e ficareis purificados; de todas as vossas imundícias, e de todos os vossos ídolos, vos purificarei.26 Também vos darei um coração novo, e porei dentro de vós um espírito novo; e tirarei da vossa carne o coração de pedra, e vos darei um coração de carne.27 Ainda porei dentro de vós o meu Espírito, e farei que andeis nos meus estatutos, e guardeis as minhas ordenanças, e as observeis.
Ml 2.7 Pois os lábios do sacerdote devem guardar o conhecimento, e da sua boca devem os homens procurar a instrução, porque ele é o mensageiro do Senhor dos exércitos.
 
2. Concentre seus pensamentos em Jesus.
JESUS é o batizador, somente através da fé em JESUS é que recebemos tanto a salvação, quanto o batismo com o ESPÍRITO SANTO.
a. Jesus é aquele que batiza com o ESPÍRITO SANTO. 
Mt 3.11 Eu, na verdade, vos batizo em água, na base do arrependimento; mas aquele que vem após mim é mais poderoso do que eu, que nem sou digno de levar-lhe as alparcas; ele vos batizará no Espírito Santo, e em fogo.
b. Jesus conquistou na cruz esta bênção para nós.
Para que recebêssemos a bênção do batismo com o ESPÍRITO SANTO era preciso que alguém morresse pelos nossos pecados e nos purificasse de todo o pecado e de toda iniqüidade, assim JESUS CRISTO veio morrer em nosso lugar e seu sangue nos purifica de todo pecado, para que recebamos a promessa de DEUS, o ESPÍRITO.
Gl 3. 13 Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro;14 para que aos gentios viesse a bênção de Abraão em Jesus Cristo, a fim de que nós recebêssemos pela fé a promessa do Espírito.
 
c. Chegue-se a Jesus, e Ele se chegará a você (Tg 4.8). 
É quando caminhamos para JESUS que alcançamos as bênçãos de DEUS em nossa vida, principalmente o batismo com o ESPÍRITO SANTO.
Hb 12.2 fitando os olhos em Jesus, autor e consumador da nossa fé, o qual, pelo gozo que lhe está proposto, suportou a cruz, desprezando a ignomínia, e está assentado à direita do trono de Deus.

3. Devemos pedir em oração que Jesus nos batize.
Os apóstolo e os demais discípulos estavam orando quando receberam o batismo com o ESPÍRITO SANTO, vemos que JESUS havia prometido, mas mesmo que DEUS haja prometido ELE quer que oremos desejando e pedindo que esta bênção venha sobre nós.
A oração é uma comunicação multifacetada entre os crentes e o Senhor. Além de palavras como “oração” e “orar”, essa atividade é descrita como invocar a Deus (Sl 17.6). Invocar o nome do Senhor (Gn 4.26), clamar ao Senhor (Sl 3.4), levantar nossa alma ao Senhor (Sl 25.1), buscar ao Senhor (Is 55.6), aproximar-se do trono da graça com confiança (Hb 4.16) e chegar perto de Deus (Hb 10.22).

a. Foi assim que Jesus ensinou. 
Além disso, a oração deve ser feita em nome de Jesus. O próprio Jesus expressou esse princípio ao dizer: “E tudo quanto pedirdes em meu nome, eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho. Se pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei” (Jo 14.13,14). Nossas orações devem ser feitas em harmonia com a pessoa, caráter e vontade de nosso Senhor (ver Jo 14.13)
Lc 11.13 = Pois, se vós, sendo maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais dará o Pai celestial o Espírito Santo àqueles que lho pedirem?
DARÁ... O ESPÍRITO SANTO ÀQUELES QUE LHO PEDIREM. Este versículo, provavelmente, não se refere ao Espírito Santo ser concedido ao crente a partir do novo nascimento (Jo 3.3), uma vez que a partir da conversão todos os crentes passam a ter permanente em si a presença do Espírito Santo (Rm 8.9,10; 1 Co 6.19,20). Aqui, provavelmente, trata-se de quem já é salvo, e, neste caso, dar o Espírito Santo refere-se à plenitude do Espírito Santo, que Cristo prometeu aos que já são filhos do Pai celestial, O BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO.


b. Devemos orar considerando que a promessa é para nós (At 2.39).
A oração é o elo de ligação que carecemos para recebermos as bênçãos de Deus, o seu poder e o cumprimento das suas promessas. Numerosas passagens bíblicas ilustram esse princípio. Jesus, por exemplo, prometeu aos seus seguidores que receberiam o Espírito Santo se perseverassem em pedir, buscar e bater à porta do seu Pai celestial (Lc 11.5-13). Por isso, depois da ascensão de Jesus, seus seguidores reunidos permaneceram em constante oração no cenáculo (At 1.14) até o Espírito Santo ser derramado com poder (At 1.8) no dia de Pentecostes (At 2.1-4). 

c. Na atmosfera da oração o ESPÍRITO SANTO se manifesta. Viva em oração. 
Podemos orar através do Espírito (i.e., em línguas, 1Co 14.14-18). Podemos até mesmo orar através de gemidos, i.e., sem usar qualquer palavra humana (Rm 8.26), sabendo que o Espírito levará a Deus esses pedidos inaudíveis. Ainda outro método de orar é cantar ao Senhor (Sl 92.1,2; Ef 5.19,20; Cl 3.16). A oração profunda ao Senhor será, às vezes, acompanhada de jejum (Ed 8.21; Ne 1.4; Dn 9.3,4; Lc 2.37; At 14.23; ver Mt 6.16).
Qual a posição apropriada, do corpo, na oração? A Bíblia menciona pessoas orando em pé (8.22; Ne 9.4,5), sentadas (1Cr 17.16; Lc 10.13), ajoelhadas (Ed 9.5; Dn 6.10; At 20.36), acamadas (Sl 63.6), curvadas até o chão (Êx 34.8; Sl 95.6), prostradas no chão (2Sm 12.16; Mt 26.39) e de mãos levantadas aos céus (Sl 28.2; Is 1.15; 1Tm 2.8).
4. O batismo com o ESPÍRITO SANTO é recebido pela fé.
Crer sem ver, esperando receber a promessa, confiando naquele que prometeu e sempre cumpre. 
A FÉ QUE OPERA POR AMOR. A Bíblia afirma que a pessoa é salva pela fé (2.15,16; Rm 3.22; Ef 2.8,9). (1) Neste trecho, Paulo define a natureza exata dessa fé. A fé salvífica é uma fé viva num Salvador vivo; fé esta tão vital que não pode deixar de expressar-se em atos motivados pelo amor. (2) A fé que deixa de amar e obedecer a Cristo verdadeiramente (cf. 1 Jo 2.3; 5.3), de demonstrar interesse genuíno pela obra do reino de Deus (cf. Mt 12.28) e de claramente resistir ao pecado e ao mundo (vv. 16,17) não é fé salvífica (cf. Tg 2.14-16)

a. Os crentes da Galácia receberam o ESPÍRITO SANTO pela fé.
RECEBESTES O ESPÍRITO PELA... FÉ? Paulo demonstra a superioridade da salvação pela graça mediante a fé em Cristo sobre a tentativa de se obter a salvação mediante a obediência à lei. Mediante a fé em Cristo recebemos o Espírito Santo e todas as suas bênçãos, inclusive o dom da vida eterna (vv. 2,3,5,14,21; 4.6). Porém, a pessoa que depende da lei para obter a salvação não recebe o Espírito, nem a vida, porque a lei em si mesma não pode outorgar a vida (v. 21).

b. A fé é o firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se não vêem (Hb 11.1). 
ORA, A FÉ É. O capítulo 11 demonstra a natureza do único tipo de fé aceita por Deus e que triunfará na pior das situações. É uma fé que crê nas realidades espirituais (v. 1), que leva à justiça (v. 4), que busca a Deus (v. 6), que crê na sua bondade (v. 6), que tem confiança na sua palavra (vv. 7,11), que obedece aos seus mandamentos (v. 8), que vive segundo as promessas de Deus (vv. 13,29), que rejeita o espírito deste presente mundo mau (v. 13), que busca um lar celestial (vv. 14-16; cf. 13.13,14), que abençoa a geração seguinte (v. 21), que recusa os prazeres do pecado (v. 25), que suporta a perseguição (v. 27), que pratica poderosos atos de justiça (vv. 33-35), 
que sofre por amor a Deus (vv. 25,35-38) e que não volta àquela pátria donde haviam saído, i.e., o mundo (vv. 14-16
c. A fé se firma nas promessas de DEUS. 
 
5. O que crer deve agir pela fé.
(1) Devemos crer na existência de um Deus pessoal, infinito e santo, que tem cuidado de nós. 
(2) Devemos crer que Ele nos galardoará quando o buscamos com sinceridade, sabendo que nosso maior galardão é a alegria e a presença do próprio Deus. Ele é nosso escudo e nossa grande recompensa (Gn 15.1; Dt 4.29; Mt 7.7,8; Jo 14.21). 
(3) Devemos buscar a Deus com diligência e desejar ansiosamente a sua presença e graça.

a. A fé se mostra pelas obras (Tg 2.18). 
A FÉ SEM AS OBRAS É MORTA. 
(1) A verdadeira fé salvífica é tão vital que não poderá deixar de se expressar por ações, e pela devoção a Jesus Cristo. As obras sem a fé são obras mortas. A fé sem obras é fé morta. A fé verdadeira sempre se manifesta em  obediência para com Deus e atos compassivos para com os necessitados (ver v. 22 nota; Rm 1.5). 
(2) Tiago objetiva seus ensinos contra os que na igreja professavam fé em Cristo e na expiação pelo seu sangue, crendo que isso por si só bastava para a salvação. Eles também achavam que não era essencial no relacionamento com Cristo obedecer-lhe como Senhor. Tiago diz que semelhante fé é morta e que não resultará em salvação, nem em qualquer outra coisa boa (vv. 14-16,20-24). O único tipo de fé que salva é "a fé que opera por caridade" (Gl 5.6). 
(3) Não devemos, por outro lado, pensar que mantemos uma fé viva, exclusivamente por nossos próprios esforços. A graça de Deus, o Espírito Santo que em nós habita e a intercessão sacerdotal de Cristo (ver Hb 7.25 nota) operam em nossa vida, capacitando-nos a obedecer a Deus pela fé, do começo ao fim (cf. Rm 1.17). Se deixarmos de ser receptivos à graça de Deus e à direção do Espírito Santo, nossa fé sucumbirá.

b. Pela fé recebemos a promessa do Espírito. 
Gl 3.14 A BÊNÇÃO DE ABRAÃO. O conteúdo da promessa de Deus a Abraão (v. 8) é definido como a promessa do Espírito pela fé (cf. Lc 24.49; At 1.4,5). Receber o Espírito é ter a justiça, a vida e todas as bênçãos espirituais (ver 3.5; 4.6).


CONCLUSÃO:
    Por falta de ensino sobre o batismo com o ESPÍRITO SANTO (muitos nem ouviram falar desta bênção),  Muitos não têem recebido o batismo por negligência, muitos também não buscam o batismo porque acham que não merecem esta bênção.
   
Na verdade não existe uma fórmula mágica que irá fazer com que o crente seja batizado, pois o batismo com o ESPÍRITO SANTO é concedido por DEUS pela sua graça (favor imerecido), sendo o resultado da total entrega do crente nas mãos do batizador que é JESUS CRISTO, crendo nas promessas de DEUS; sabendo que esta benção não só é maravilhosa, como também é necessária a todo o crente.
    Diante disto devemos incentivar e ensinar a cada novo irmão na fé  necessidade de buscar em oração o Batismo com o ESPíRITO SANTO.


Questionário Lição 8 -  ESPÍRITO SANTO - Como Receber O Batismo Com O ESPÍRITO SANTO
Ev.Luiz Henrique - www.henriqueestudos.cjb.net 
Texto Áureo:
1- Para que recebamos o dom do ESPÍRITO SANTO, o que é necessário fazer antes?
(     ) Não buscar e nem pedir     (     ) Não insistir    (     ) Arrependermos de nossos pecados 
Verdade Prática:
2- Como deve ser buscado o batismo com o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) Com tristeza     (     ) Com profunda angústia    (     ) Com Perseverança em oração
INTRODUÇÃO
3- Para quem é a promessa do batismo com o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) Para todos os salvos     (     ) Para todos os descrentes     (     ) Para todos os pastores
Tópico I. POR QUE TANTOS NÃO SÃO BATIZADOS?
4- Por que tantos ainda não receberam o batismo com o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) Porque Muitos não ouviram falar desta bênção, ainda não foram ensinados
(     ) Porque Muitos ouviram falar desta bênção, foram ensinados, mas se esqueceram dela
(     ) Porque Muitos detestam esta bênção
5- Através de que vem a fé para ser batizado com o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) A fé vem através das obras     (     ) A fé vem através do ver    (     ) A fé vem pelo ouvir
6- Por negligência muitos deixam de receber. O que os está ocupando e tirando-lhes a oportunidade e o desejo?
(     ) Ocupação com a vida espiritual      (     ) Ocupação com a vida material     (     ) Ocupação com a leitura bíblica
7- Qual é a ordem de DEUS para todos os crentes, mencionado por Paulo em Ef 5.18?
(     ) Enchei-vos do Espírito     (     ) Arrependei-vos e crede no evangelho     (     ) Convertei-vos
8- Quanto ao merecimento, por que muitos não buscam o batismo com o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) Porque acham que merecem esta bênção.     (    ) Porque acham que esta bênção não é boa
(     ) Porque acham que não merecem esta bênção. 
9- Quais são as pessoas que merecem receber o batismo com o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) Os líderes     (     ) Somente os pobres     (     ) Somente os que trabalham na obra     (     ) Ninguém merece
Tópico II. COMO RECEBER O BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO
10- Cite  5 maneiras pelas quais se pode receber o batismo com o  ESPÍRITO SANTO: Marque com"V" a alternativa Verdadeira e com "F" a alternativa Falsa
(     ) É preciso ter um coração impuro                            (     ) Concentre seus pensamentos em Jesus
(     ) Devemos pedir em oração que Jesus nos batize      (     ) O batismo com o ESPÍRITO SANTO é recebido pela fé
(     ) O que crer deve agir pela razão                              (     ) O que crer deve agir pela fé     (     ) Ter coração Puro
11- O que entristece o ESPÍRITO SANTO?
(      ) Falar em línguas     (     ) O Pecado     (     ) Profetizar     (     ) A santidade
12- A quem é dado o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) A quem não crê     (     ) A quem não obedece     (     ) A quem lhe obedece
13- O que vem antes da Unção?
(     ) A santificação     (     ) A perfeição     (      ) A purificação
14- Quem batiza com o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) JESUS     (     ) ESPÍRITO SANTO     (     ) O PAI
15- Paulo lembrou aos Gálatas de que receberam o ESPÍRITO SANTO através de que?
(     ) Das Obras da Lei     (     ) Da fé     (     ) Da Prosperidade material
16- Em quem pensar para ser batizado com o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) Em JESUS     (     ) Em nós mesmos     (     ) No irmão que está impondo as mãos sobre nós
17- A quem o PAI dá o ESPÍRITO SANTO?
(     ) A quem ele escolher para ser batizado     (     )  A quem lho pedir    (     ) A quem quiser, mesmo os descrentes
18- Para quem é a promessa do batismo com o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) É para os pastores     (     ) Para os apóstolos     (     ) É para nós      (     ) Só para líderes
19- Quem quer nos batizar desde que o aceitamos como Senhor e Salvador?
(     ) O ESPÍRITO SANTO     (     ) O PAI     (     ) JESUS CRISTO
20- Devemos orar em nome de quem para receber o batismo com o  ESPÍRITO SANTO?
(     ) Em nosso nome     (      ) Em nome do ESPÍRITO SANTO     (     ) JESUS CRISTO
21- O que a Palavra Pregada produziu nos corações dos Gálatas?
(     ) Fúria     (     ) Desprezo     (     ) Fé     (     ) Solidão
22- O que é a fé?
(     ) Firme fundamento das coisas que se não esperam e a prova das coisas que se vêem.
(     ) Firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se vêem.
(     ) Firme fundamento das coisas que se esperam e a prova das coisas que se não vêem.
23- Em que se firma a fé?
(      ) Nas promessas de DEUS     (     ) Em nosso esforço próprio     (     ) Na nossa capacidade intelectual
24- Através de que a Fé se expressa?
(     ) Da falta de busca      (     ) Da preguiça espiritual     (     ) Da Ação
CONCLUSÃO
25- O batismo com o  ESPÍRITO SANTO não vem pelo nosso esforço, porque JESUS nos ama e quer nos batizar. O que nossa salvação também abrange?
(      ) Condicional às nossas obras     (     ) Riquezas     (     ) O batismo com o  ESPÍRITO SANTO
Ajuda de Revista e Bíblia em Cd da CPAD - www.cpad.com.br
 
Home
Estudos
EBD
Discipulado
 Mapas
Figuras1
 Figuras2
Fotos
Igreja
Link's
Corinhos
Download
Eu